PESQUISA: CURTA-METRAGENS

Coloque entre aspas duplas (eg.: "Jorge Furtado")
Loading

19 de set de 2006

MULHERES DE SANGUE - Uma visão poético-feminina da Revolução Farroupilha

Mulheres de Sangue - Teatro ELIAS ANGELONI - 6 de Nov - Sexta, 21h - Direção: Janssen Hugo Lage
data: 06/11/09
hora: 21:00
onde: Teatro ELIAS ANGELONI, Criciuma - Santa Catarina - Brasil

A Confraria dos Ritos apresenta, no dia 23 de setembro, 21h (quarta-feira), no Theatro São Pedro a estréia da peça ‘Mulheres de Sangue’, uma versão poético-feminina da Revolução Farroupilha baseada em fatos reais. Com texto original de Janssen Hugo Lage e pesquisa de textos históricos de Leandro Borges, o espetáculo explora a visão das mulheres que em busca de justiça e igualdade, criaram uma tropa que, supostamente, atuaram durante o período da guerra com vigor e destreza unindo-se aos farrapos na luta contra as tropas imperialistas. Mulheres que não se conformaram em ficar apenas cuidando de suas casas e filhos, mas que decidiram ir aos campos de batalha lavar com o próprio sangue a honra e a liberdade de suas famílias. Através da visão dessas mulheres o espetáculo mostra, em sua narrativa ágil e teatral, o que representou aGuerra dos Farrapos que ocorreu no Rio Grande do Sul na época em que o Brasil era governado pelo Regente Feijó.

A história mostra a infancia pertubada de Bento Gonçalves e suas visões de guerra através de um quadro que sempre aparecia nos seus sonhos e foi anunciado em relato a mãe com apenas 9 anos.

O espetáculo explora a visão das mulheres no período da Guerra dos Farrapos, rebelião gerada pelo descontentamento político que durou por uma década (1835 a 1845).O estopim para esta rebelião foi as grandes diferenças de ideais entre dois partidos: um que apoiava os republicanos (Liberais) e outro que dava apoio aos conservadores (Legalistas). Em 1835 os rebeldes Liberais, liderados por Bento Gonçalves da Silva, apossaram-se de Porto Alegre, fazendo com que as forças imperiais fossem obrigadas a deixarem a região. Começa então a ação de um grupo secreto de mulheres com armas de fogo e exímias na equitação, uma tropa de ataque feminina nos pampas.

FICHA TÉCNICA

Elenco: Mariana Brum, Leandro Borges, Matheus Paranhos, Ângela Aita, John Robert, Anderson Cicconne, Gabriela Ramos, Thatiana Morais, Patricia Martins, Raisa Rocha, Mauricio Fulber.
Texto, Encenação, Cenarios e Figurinos: Janssen Hugo Lage
Assist. de Encenação, Cenários e Figurinos: Gabriela Ramos
Pesquisa de Textos Históricos:Leandro Borges
Musica Original: Alexandre Montaury
Iluminação: Vicente Goulart
Preparação Vocal: Mariane Oselame
Preparação Corporal: Mariana Brum
Identidade Visual e Fotografia: Laercio Lacerda
Assessoria de Imprensa: Raquel Wünsch
Direção de Movimento: John Robert
Direção Musical: Cristiano Bion Loro
Cantoras Convidadas: Ivani Mayer E Fernanda Lopes Fernandes
Músico Especialmente Convidado: Angelin Loro
Percussão: Ricardo Arenhaldt
Produção Executiva: Angela Aita
Assistente De Produção: Thatiane Moraes, Alessandra Gasparin, Raisa Rocha
Produção: Confraria Dos Ritos
Participação Especial: do Grupo Musical Piquete Marca Gaúcha
Classificação Etária: Livre
Duração: 50 minutos + 40 minutos (10 minutos de intervalo)

ESSE ESPETÁCULO TEM O APOIO CULTURAL: GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL, SECRETARIA DE ESTADO DA CULTURA, IGTF – INSTITUTO GAÚCHO DE TRADIÇÕES E FOLCLORE, PIQUETE MARCA GAUCHA, PIQUETE APORREADOS DO 38, STAR MODELS, LAERCIO LACERDA PHOTODESIGNER, STAR PRODUTORA, IDEIA CLUBE COMUNICAÇÃO, CENTRAL DE TECIDOS, APEMA, VIA BRASIL AUDIO PRODUÇÕES, 4 FORMAGGIO PIZZINHA, RESTAURANTE DEGUSTART, GURY’S CABELEIREIROS, PREFEITURA MUNICIPAL DE ALVORADA, SECRETARIAS DE EDUCAÇÃO E CULTURA DE ALVORADA, PREFEITURA MUNICIPAL DE LAJEADO, SECRETARIA DE CULTURA DE LAJEADO.

1 de jan de 2006

A Casa

Ao som da famosa canção de Vinícius, um mímico se diverte construindo uma casa que só é visível para quem acredita na história.

Gênero Animação
Diretor Andrés Lieban
Ano 2004
Duração 3 min
Cor Colorido
Bitola Vídeo
País Brasil

Ficha Técnica

Produção Fernando Faro Roteiro Andrés Lieban Animação Andrés Lieban Empresa produtora Laboratório de Desenhos, Editora Delta Produção Executiva André Koogan Breitman Finalização Proview Produções Música Sincronizada Vinicius de Moraes Interpretação musical Boca Livre

Prêmios

Melhor Trilha Sonora no Anima Mundi 2004
Premier Internacional no Film Festival of the World 2004

Festivais

Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis 2005
Festival Internacional de Cinema Infantil 2004